Click



domingo, 26 de junho de 2011

Quedar em silêncio

Minhas raízes cravaram
junto às ruas na
terra refúgio, esfumaçados
pensamentos
surgiram, voaram nas
verdes folhas,
vierem silêncio dos mortos,
asas minhas quedaram
falas quietas, ventos
me falam de sorrisos
tão lentos nos
teus lábios guardados...


                         




5 comentários:

soniaconsult disse...

hahahãmm

te peguei!

Onde tu anda que estou o dia inteiro a te procurar!!

to no msn

soniaconsult disse...

vota na lethy

http://t-e-d-d-y.blogspot.com/2011/06/votacoes-ate-domino-noite-e-resultado.html

é só até hoje à noite

bjim

Will disse...

Expressão sincera de amor toca-me profundamente.

Bj com carinho.

Catia Bosso disse...

Este tipo de poesia me leva longe...
Voo em busca das letrinhas lindas q leio aqui...

Lindo!

bjs

Simone MartinS2 disse...

Bom dia menina que veste poesia, estou aqui cedo te lendo, pois como sempre digo: ler-te logo cedo me deixa assim, bem feliz!
Que o Sol entre por tua janela
Mesmo com o dia chuvoso
É só mentalizar e sentiras o calor
Que dele e emanado para ti e teu lar. Vou ate as nuvens abrir um espaço, para uqe o Sol possa te ver. Possa olhar para ti e dizer: Meu anjo, aquecerei teu coração e tua alma, para que voce possa ter energias e cuidar dos seus...Bjin fique com DEUS! e saudades de teus escritos...bjin no coração!

Tomar um Tereré?

 
;