Click



terça-feira, 7 de junho de 2011

Sois LouCo?????????????????






Afoga-se em inebriante realidade, 
os sentidos que da poesia se separa 
e aos olhos nus, 
torpe, 
invade! 
Ah, realidade... 
fosses tu apenas horas, 
tornasses tu apenas saudade, 
e seria facil suprir-se 
dessa louca insanidade 
de ser entre tantos estranhos, 
o estranho que a sanidade 
aplaude!


^_^•



Por Kiro Menezes





Sejamos hoje todos loucos!


Um beijo grande a todos que partilham 
da loucura da vida
e viver seja mais que só modo de fala bonita!

12 comentários:

João Ludugero disse...

'Kirida' Kiro,

Eu sou suspeito em falar dessa loucura, pois em toda minha sã consciência, com toda lucidez, adoro cometer loucuras!
Assim, agarrado a elas, já quebrei tantos paradigmas e correntes, alei meus braços e pés já faz um tempo... e, de dentro do alto,
nunca mais tive medo de abismos nem da solidão, vez que sobrevoo evolado nas asas do Amor que me sustenta.
E, pelo que sei, pelo que vejo,
A Kiro vai por essas bandas a empinar suas pipas, seus coloridos sonhos acordados.
Ela é feito um colibri, se arrisca às flores, a furtar néctares e aromas, sem se furtar de viver cada dia sua página, sem temer aos espinhos da lida.
Isso é que é viver. O resto é apenas um modo de fazer molduras. Ela não se atém a isso, ela se pinta e se move num quadro vivo, que jamais fica mudo.
Onde suas cores vivas falam por si. E suas cores, ah suas cores, brilham dentro e fora do éden!
Eu acredito na força dessa loucura... E, no fundo, bem lá no fundo, quem não adora ser louco também!
Abraço carinhoso,
João, poeta.

Kiro Menezes disse...

João, assim me envaideço, vôo aos céus em asas da varzea e não volto nunca mais!!!!!!

Sou liberta de amarras, as vezes me prendem gaiolas douradas, lindas, decoradas, mas gaiolas.

Dai vem uma tempestade que a arremessa ao chão, e me liberta, que me torna novamente dona das minhas asas!

Obrigada pelo carinho, querido Ludu, e por ler meus sentidos!

Bjsssss enormes ♥

RosaMaria disse...

Não gosto da normalidade mundana.
Gosto dos loucos, dos avessos, dos doidos de pedra.

Ou seja
Amei seu texto!

Beijão

João Ludugero disse...

Kiro/
Rosa Maria,

É tão bom ser louco de pedra!
Se a gente não procurar ser assim, vem a vida e nos faz água.

Eu prefiro ser doido de atirar pedras na lua... Um dia a gente acerta e monta no cavalo com São Jorge! Ou pega um pouco do fogo do dragão e devora a moça-vida, mas por um bom motivo: VIVER!

Pois a vida sem loucura não tem graça nenhuma, por isso brinco, lúcido, com minhas doidices.

O que seria da vida normal não fossem as nossas loucas ludicidades?

Hiper beijo desse poeta doido de viver, sem vergonha de ser feliz!
Beijos.
Até mais!

Silviah Carvalho disse...

Lindo, lindo! perfeito! a poesia é a quimera da qual não devemos nos afastar.
Bjs.
Ja tinha saudade daqui, mas o tempo é louco e pouco.

Malu de Oliveira disse...

Oi Kiro, quanto tempo!
Seu blog tá lindo como sempre!
Estou numa correria "louca", quase ficando louca, mas arranjei um jeitinho de passar por aki e te deixar um beijo carinhoso.

Até mais!

Simone Martins2 disse...

Boa noite linda...Mas quem pode dizer que nao e um pouco louco?
Somos todos loucos ao se apaixonar por alguem, loucos por viver essa vida insana e injusta, loucos por aceitar as normas e regras dessa sociedade capitalista e autoritaria, loucos por calarmos e aceitarmos tudo como se fizesse parte da nossa vida, loucos por tentar mostrarnos nossas loucuras atraves das nossa poesias, loucos por aceitarmos que somente nos somos os loucos...Mas saiba que adoro toda essa loucura e viver nesse mundo me torna uma super heroina onde viajo em meus pensamentos e falo o que sinto sem se preocupar se agrado ou nao...Todo ser humano quando nasce é livre para ser o que bem quiser, mas essa sociedade hipocrita o molda e o coloca onde ela quer...ARGH!! Quero gritar AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA...Que viva a liberdade e a loucura...Ops! Melhor voltar a realidade, tenho que dormir pois amanha e dia de trabalho....rsrsrs...Bjin

Tatiana Kielberman disse...

Adorei o novo layout do blog!!

Sempre linda, Kiro querida...

Beijoooo!

Kiro Menezes disse...

Um monte de loucos me fazem companhia!!!!


kkkkkkkkkkkkkkkkkk


Amo vcss ♥

João Ludugero disse...

Kiro-kiro,

Eu, faz um tempão joguei fora as chaves do hospício.
Escancarei as portas
E e as janelas já nem existem a tapar o sol...Ele já chega e manso entra direto na cara da gente, só pra iluminar a massa cinzenta.
Ah, quanto à lua? Já pintei vários sóis para ela.

Também já perdi a conta de quantas pedras atirei na meia-lua, só pra ela não parar de sorrir, a gozar da minha cara, ela deu de zombar de mim que sou doido por ela. E eu acho lindo quando ela fica vaidosa, crescente de amores.

O sol que se cuide! Uma hora dessas ainda vou morar com ela, lá num balanço enluarado. Eu e ela. Que loucura! Sou doido de pedra! Tenho lá minhas luas!

Beijaço adoidado na Kiro, minha amiga, outra que é maluquinha e ainda desenha!!! Adorei seu desenho...Te deixo um cheiro no cangote.
João, poeta.

Kiro Menezes disse...

Uiii que o cheirinho me arrepia!!!

^_^•

As doidices são a diversão da nossa vida! Simples assim... e amar é loucura, amar a Lua, ai que Lua! Também eu sou amante dela =D

Um monte de beijokas nesse meu doido amigo!!!!



E um cheirinho no cangote de Ludu! Já que é pra arrepiarrrr!!!! hehehe

Reflexo d'Alma disse...

Kiro, passa aqui tambem, ha belos psots e pessoa slinda spor la.Aproveita e tras o selo do Eseolhando e Esplhando Amigos pra ca, vai ser uma honra ver o selo aqui.
http://reflexosespelhandoespalhandoamigos.blogspot.com/

Tomar um Tereré?

 
;